Solicitação do Visto Imprimir
Informação Geral / Vistos

FlechaRegras do atendimento FlechaCompetência FlechaAgendamento Entrevista FlechaExceções do visto FlechaPass. Dip. Brasileiros FlechaPrazo de entrega FlechaDuração de visto FlechaTaxas FlechaTuristas FlechaNegócios FlechaVisitantes Técnicos FlechaEstudantes FlechaTrânsito FlechaMinistros de Culto FlechaJornalistas FlechaTransferência de pessoal FlechaAutorização INAMI FlechaEventos Oficiais SRE

1. Endereço

Consulado Geral do México em São Paulo

Rua Holanda 274 - Jardim Europa- CEP 01446-030 - São Paulo - SP

Por favor, verifique a página da Internet antes de escrever um e-mail, já que é possível que a resposta à sua dúvida se encontre dentro desta página. Verifique, também, a seção de Dúvidas Frequentes.

2. Horário de atendimento

Horário de solicitação de vistos: de segunda a sexta-feira das 08:30 às 12:00 horas (exclusivamente aos solicitantes que tenham sido previamente agendados eletronicamente e beneficiários de autorizações do INM)

Horário para retirar vistos: de segunda a sexta-feira das 15:00 às 16:00 horas.

Feriados 2014: Janeiro 1. Março 3, 4 e 5. Abril 17, 18 e 21. Maio 1. Junho 19. Julho 9. Setembro 16. Novembro 15 e 20. Dezembro 25.

Nos dias 24 e 31 de dezembro o serviço do Consulado Geral limitar-se-á a atividades administrativas internas. Não haverá atendimento.

IMPORTANTE:

  • Não é necessário usar intermediários ou despachantes para obter serviços consulares.
  • Não se aceitam despachantes para encaminhar solicitações de vistos.

3. Competência

3.1 A jurisdição do Consulado Geral do México em São Paulo compreende os estados do Acre, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rondônia, Santa Catarina e São Paulo.

3.2 O Consulado poderá receber todas as solicitações de vistos de cidadãos brasileiros que permanecerão por mais de 180 dias no México (p.ex. estudantes, estagiários, intercambistas, funcionários transferidos a empresas mexicanas, etc.).

  • Os solicitantes que pretendam realizar atividades lucrativas no México devem contar com autorização prévia do INAMI. Nesse caso, a parte mexicana deverá tramitar uma autorização de visto (antigamente conhecida como permiso de internación) perante o INAMI www.inami.gob.mx
  • A os solicitantes que pretendam realizar atividades como ministros de culto ou associados religiosos se recomenda contar com a anuência da SEGOB. A parte mexicana pode tramitar a anuência no México www.asociacionesreligiosas.gob.mx

4. Exceções do visto

Para viajar ao México como turistas, de negócios, em trânsito, atendimento médico, atividades artísticas, culturais, educativas, esportivas, de jornalismo, assistir a conferências, feiras e congressos, treinamentos, visitas técnicas; todas estas atividades sem receber remuneração de empresa estabelecida no México, não precisam de visto:

4.1 Os nacionais dos seguintes países desde que munidos de passaporte validade que cubra completamente a viagem:

Alemanha, Andorra, Argentina, Austrália, Áustria, Barbados, Bélgica, Belize, Brasil, Bulgária, Canadá, República Checa, Chile, Chipre, Colômbia, Coréia do Sul, Costa Rica, Croácia, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estados Unidos da América, Estônia, Finlândia, França, Reino Unido da Grã-Bretanha, Grécia, Hungria, Irlanda, Islândia, Israel, Itália, Jamaica, Japão, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Macau (Região Administrativa), Malásia, Malta, Mônaco, Noruega, Nova Zelândia, Países Baixos, Panamá, Paraguai, Perú, Polônia, Portugal, România, São Marinho, Singapura, Suécia, Suíça, Trinidad e Tobago, Uruguai e Venezuela.

4.2 Os residentes legais permanentes nos Estados Unidos da América, Canadá, Espaço Schengen, Japão e Reino Unido não precisam de visto para ingressar no México. Deverão, porém, apresentar o documento que acredite sua residência num desses países, bem como passaporte com validade que cubra completamente a viagem.

4.3 Portadores de visto estadunidense válido/vigente:

Com a finalidade de oferecer ainda maiores facilidades migratórias para visitar o México, a partir do dia 1° de maio de 2010, todos os estrangeiros que possuam um visto com validade dos Estados Unidos, poderão viajar ao México com dispensa do visto mexicano, apresentando o visto dos Estados Unidos e passaporte com validade que cubra completamente a viagem. Portanto, não é necessário apresentar-se ao Consulado para requerer eventual autorização "extra".

4.4 Portadores de passaportes brasileiros diplomáticos, oficiais e de serviço vigentes não precisam de visto para viajar ao México por até noventa dias.

Acordo de Supressão de Vistos em Passaportes Diplomáticos, Oficiais e de Serviço, celebrado entre os Governos do México e do Brasil, vigente a partir do dia 05 de Agosto de 1992.

4.5 Passageiros em cruzeiro que visitam portos mexicanos, não precisam de visto para desembarque no país.

5. Regras gerais do atendimento

  • O Consulado utiliza um sistema eletrônico de agendamento de entrevistas a partir do dia 23 de junho de 2008. O atendimento para vistos é efetuado exclusivamente aos solicitantes previamente agendados através de nosso site, bem como a titulares de permissões migratórias e casos autorizados oficialmente pelo escritório de assuntos consulares e migratórios do Ministério das Relações Exteriores do México. As entrevistas serão agendadas exclusivamente através deste portal.
  • Os beneficiários de autorizações migratórias oficiais, notificadas oficialmente pelo Instituto Nacional de Migração do México (INAMI) e recebidas oficialmente por este Consulado Geral, serão atendidos em qualquer dia útil (até segunda ordem), apresentado os documentos solicitados no apartado de Autorização INAMI deste portal.
  • Por motivos de segurança, o ingresso ao Consulado do México com malas não é autorizado.
  • Por questões de conforto e segurança, não serão aceitos acompanhantes dentro do Consulado Geral.
  • É indispensável a presença dos solicitantes na Representação Consular (inclusive menores de idade). No caso de famílias e/ou casais, haverá necessidade de apresentar cópia de toda a documentação para cada integrante assim como da comprovação do vínculo familiar.
  • Não é necessário usar intermediários para obter serviços consulares.
  • Não aceitamos documentos pelo correio, fax ou email. Não enviamos passaportes ou documentos pelo correio.
  • O solicitante deve trazer cópias legíveis. Se entregar algum documento original, guarde uma cópia do mesmo. O Consulado não pode devolver os documentos originais depois de encerrar o processo.
  • Pagamento das taxas não autorizado pelo Consulado. Somente após os solicitantes terem comparecido e terem dado início ao trâmite, momento em que recebem a autorização para o recolhimento do boleto bancário fornecido pelos funcionários deste Consulado Geral. Portanto, pagamentos que tenham sido feitos sem autorização ou por engano não serão ressarcidos.
  • O Consulado NEGARÁ vistos nos casos de pagamentos feitos diretamente aos despachantes, na rua.

6. Prazo de entrega

  • PRAZO DE ENTREGA DOS VISTOS: Geralmente os vistos a turismo são entregues no mesmo dia da solicitação, das 15h às 16h. Porém, esse prazo pode variar ocasionalmente, dependendo dos seguintes fatores: a) A necessidade de conferir as informações declaradas e a validade dos documentos apresentados. b) Fatores técnicos na impressão dos vistos. c) Conexão de internet em São Paulo. O pagamento tem que ser feito no mesmo dia, para que a data de entrega seja mantida.
  • RETIRADA DOS PASSAPORTES: Os passaportes podem ser retirados por portadores que não sejam despachantes ou associados, na data marcada e sempre mediante a apresentação do protocolo original, comprovante de pagamento autenticado pelo banco e o nome completo do titular do passaporte.
  • VISTOS NEGADOS/PASSAGENS AÉREAS: O Consulado Geral não pode responsabilizar-se por passagens aéreas que tenham sido emitidas antes da concessão do visto. Da mesma forma, não nos responsabilizamos por vistos negados.
  • ANTECIPAÇÃO DA ENTREGA DE DOCUMENTOS: Não adiantamos entregas. O Consulado se empenha em oferecer o melhor serviço aos solicitantes. Para manter os prazos de entrega em tempo razoável (no mesmo dia), em benefício dos numerosos usuários, o Consulado Geral solicita a colaboração dos interessados para que as regras e as datas marcadas sejam respeitadas.
  • VISTOS SOLICITADOS E NÃO RETIRADOS: Os vistos não retirados em 5 dias úteis serão reexaminados e os passaportes serão entregues ao Escritório em São Paulo do Ministério de Relações Exteriores do Brasil em São Paulo.
  • Informamos às pessoas que tenham solicitado vistos no ano de 2006, 2007 e 2008 neste Consulado e que, por algum motivo, ainda não tenham retirado seus passaportes neste Consulado Geral, que os mesmos foram encaminhados ao escritório em São Paulo do Ministério de Relações Exteriores do Brasil. Os vistos mexicanos solicitados que ainda eram válidos, impressos nos passaportes não retirados, foram reexaminados, existindo a possibilidade de que tenham sido cancelados, sem causar prejuízos ao interessado.

7. Duração de visto

  • Duração máxima: 10 anos.
  • Conforme as novas disposições migratórias mexicanas, a validade do visto começa a correr à partir da data da emissão. As datas de expedição e de vencimento aparecem no próprio visto.
  • Nota: O oficial de migração determinará o tempo máximo de estadia no momento de entrada no México e pode solicitar comprovantes de solvência econômica e revisão da passagem aérea.

8. Taxas

  • Visto: US $ 36,00 (turista, estudante, negócios/atividades não lucrativas, técnico, jornalista).
  • Visto de negócios (atividades lucrativas) Visto: US $36,00 + US $ 210,00 = US $ 246,00
  • O pagamento da só poderá ser realizado, após o trâmite ter sido autorizado pelos funcionários deste Consulado Geral.
  • O valor deve ser pago em reais R$ (depois da entrevista) em uma agência do banco autorizado pelo Consulado.
  • Os pagamentos feitos sem autorização ou feitos por engano não serão devolvidos.
  • O Consulado negará vistos, nos casos de pagamentos feitos diretamente com despachantes na rua.

9. Requisitos para obtenção de vistos (para os titulares de passaportes de nacionalidades que não aparecem nas Exceções do visto)

Turistas

Para realizar viagens de lazer, atividades artísticas, culturais, esportivas, assistir a conferências, feiras e congressos, sem receber remuneração e onde a participação não consista na promoção de bens e serviços. Todas estas atividades sem receber remuneração de empresa estabelecida no México.

Comparecer ao Consulado para entrevista, apresentando nesta ordem:

  1. Formulário de solicitação de visto gerado través do sistema de agendamento eletrônico preenchido e assinado, com uma fotografia atual 3x4 colada no espaço correspondente.
  2. Passaporte com validade mínima de seis meses e cópias simples das páginas onde aparecem a firma e os dados pessoais, e (caso seja aplicável) dos vistos para outros países e dos vistos mexicanos prévios.
  3. Comprovantes de renda dos seis últimos meses (original e cópia simples) assim como da movimentação de conta bancária dos seis últimos meses (original e cópia simples) do solicitante.
  4. Original e cópia simples do RNE.
  5. Documentos opcionais:
Carteira de trabalho;
Escritura de imóveis;
Declaração Anual do Imposto da Renda (original e cópia simples);
Comprovante de movimentação de cartão de crédito dos últimos seis meses;

Notas:

  • Deve levar em conta que, quanto mais e melhores documentos trouxer, maiores as probabilidades de o visto ser aprovado.
  • Estrangeiros residentes no Brasil deverão apresentar RNE (original e cópia simples).
  • No caso de convites a eventos (artísticos, culturais esportivos, conferências, congressos) é recomendável apresentar a carta convite (original e cópia simples).
  • Menores: os menores de dezoito anos de idade devem ser acompanhados por ambos os pais durante a entrevista e comprovar a filiação com original e cópias simples das identidades dos pais e das certidões de nascimento dos filhos. No caso de que um dos pais ou ambos não possam comparecer junto com o menor, então deverá(ão) outorgar uma autorização lavrada em cartório (escritura pública de declaração) na qual constará seu consentimento para que o menor possa ser acompanhado para tramitar o visto mexicano junto ao Consulado do México pelo outro pai ou por um terceiro maior de idade. A autorização original deverá ser apresentada na entrevista junto com cópia autenticada da identidade do pai que outorgue sua autorização em cartório.
  • No caso de dependentes do cônjuge deverão apresentar certidão de casamento e cópia simples.
  • No caso de famílias (dependentes econômicos: cônjuge, filhos, filhas) haverá necessidade de apresentar cópia de toda a documentação para cada integrante assim como da comprovação do vínculo familiar.
  • Durante o processo de revisão poderá ser requerida outra documentação a critério do Cônsul.

 

Negócios

Para efetuar operações comerciais, procurar produtos ou mercado para produtos; investir; assinar contratos para constituir sociedades; reuniões de negócios (todas as atividades sem receber remuneração em território mexicano).

Comparecer ao Consulado para entrevista, apresentando, nesta ordem:

  1. Formulário de solicitação de visto L1 gerado través do sistema de agendamento eletrônico preenchido e assinado, com uma fotografia atual 3x4 colada no espaço correspondente.
  2. Passaporte com validade mínima de seis meses e cópias simples das páginas onde aparecem a firma e os dados pessoais, e (caso seja aplicável) dos vistos para outros países e dos vistos mexicanos prévios.
  3. Comprovantes de renda dos seis últimos meses (original e cópia simples) assim como da movimentação de conta bancária dos seis últimos meses (original e cópia simples) do solicitante.
  4. Carta reponsiva (original) da empresa/instituição mexicana mediante a qual convide ao estrangeiro(a) para participar em alguma atividade não remunerada em território nacional. A carta deverá conter os seguintes dados: Nome completo do(a) estrangeiro(a) e nacionalidade; Denominação social, número de registro, endereço completo e dados de contato da empresa/instituição; Informação sobre a atividade que o(a) estrangeiro(a) vai realizar ou o projeto no qual participará (as atividades deverão estar relacionadas com os fines da empresa/instituição que convida); Duração estimada ou data aproximada da conclusão da atividade que vai realizar; Caso aplicável, o compromisso para o sustento/despesas do(a) estrangeiro durante sua estadia no México e do seu retorno ao seu país de origem ou de residência; e Cópia de uma identificação oficial de que subscreva a carta.
  5. Documentos mediante os quais o(a) estrangeiro(a) acredite que possui a experiência, capacidade, habilidades ou conhecimentos necessários para desempenhar a atividade para a qual foi convidado(a), em original e cópia simples;
  6. Carta de apresentação da empresa* estabelecida no Brasil, pela qual trabalha em papel timbrado e com firma reconhecida onde conste detalhadamente o motivo da viagem e os dados completos da empresa ou empresas mexicanas a ser visitadas (endereço, telefones, nome do contato, etc.) e na qual se indique expressamente que o solicitante do visto é um funcionário da empresa no Brasil e que o pagamento pelos serviços que prestará no México será efetuado pela empresa no Brasil.

* Opcional

Notas:

  • Deve levar em conta que, quanto mais e melhores documentos trouxer, maiores as probabilidades de o visto ser aprovado.
  • Estrangeiros residentes no Brasil deverão apresentar RNE (original e cópia simples).
  • Durante o processo de revisão, poderá ser requerida outra documentação, a critério do Cônsul (cópia simples do CNPJ e do contrato social da empresa brasileira).

 

Visitantes Técnicos

Para instalar máquinas ou iniciar processos; reparar máquinas; dar ou receber treinamento; instalar processos operacionais e pacotes de software ou prestar assistência técnica (todas as atividades sem receber remuneração em território mexicano).

Comparecer ao Consulado para entrevista, apresentando, nesta ordem:

  1. Formulário de solicitação de visto L1 gerado través do sistema de agendamento eletrônico preenchido e assinado, com uma fotografia atual 3x4 colada no espaço correspondente.
  2. Passaporte com validade mínima de seis meses e cópias simples das páginas onde aparecem a firma e os dados pessoais, e (caso seja aplicável) dos vistos para outros países e dos vistos mexicanos prévios.
  3. Comprovantes de renda dos seis últimos meses (original e cópia simples) assim como da movimentação de conta bancária dos seis últimos meses (original e cópia simples) do solicitante.
  4. Carta responsiva (original) da empresa/instituição mexicana mediante a qual convide ao estrangeiro(a) para participar em alguma atividade não remunerada em território nacional. A carta deverá conter os seguintes dados: Nome completo do(a) estrangeiro(a) e nacionalidade; Denominação social, número de registro, endereço completo e dados de contato da empresa/instituição; Informação sobre a atividade que o(a) estrangeiro(a) vai realizar ou o projeto no qual participará (as atividades deverão estar relacionadas com os fines da empresa/instituição que convida); Duração estimada ou data aproximada da conclusão da atividade que vai realizar; Caso aplicável, o compromisso para o sustento/despesas do(a) estrangeiro durante sua estadia no México e do seu retorno ao seu país de origem ou de residência; e Cópia de uma identificação oficial de que subscreva a carta.
  5. Documentos mediante os quais o(a) estrangeiro(a) acredite que possui a experiência, capacidade, habilidades ou conhecimentos necessários para desempenhar a atividade para a qual foi convidado(a), em original e cópia simples;
  6. Carta de apresentação da empresa* estabelecida no Brasil, pela qual trabalha em papel timbrado e com firma reconhecida onde conste detalhadamente o motivo da viagem e os dados completos da empresa ou empresas mexicanas a ser visitadas (endereço, telefones, nome do contato, etc.) e na qual se indique expressamente que o solicitante do visto é um funcionário da empresa no Brasil e que o pagamento pelos serviços que prestará no México será efetuado pela empresa no Brasil.

* Opcional

Notas:

  • Deve levar em conta que, quanto mais e melhores documentos trouxer, maiores as probabilidades de o visto ser aprovado.
  • Estrangeiros residentes no Brasil deverão apresentar RNE (original e cópia simples).
  • Durante o processo de revisão, poderá ser requerida outra documentação, a critério do Cônsul (cópia simples do CNPJ e do contrato social da empresa brasileira).

Estudantes

Para realizar cursos, estudos ou projetos de investigação ou de formação acadêmica ou profissional.

Comparecer ao Consulado para entrevista, apresentando, nesta ordem:

  1. Formulário de solicitação de visto L1 gerado través do sistema de agendamento eletrônico preenchido e assinado, com uma fotografia atual 3x4 colada no espaço correspondente.
  2. Passaporte com validade mínima de seis meses e cópias simples das páginas onde aparecem a firma e os dados pessoais, e (caso seja aplicável) dos vistos para outros países e dos vistos mexicanos prévios.
  3. Comprovantes de renda dos seis últimos meses (original e cópia simples) assim como da movimentação de conta bancária dos seis últimos meses (original e cópia simples) do solicitante ou dos pais se o solicitante for menor de 25 anos.
  4. Carta ou constância de aceitação da instituição educativa (original) pertencente ao Sistema Educativo Nacional Mexicano, com os seguintes dados (nome completo do interessado; nível, grau e área de estudo; nome do curso no qual foi aceito, duração estimada assim como data de início e conclusão do curso; valor/taxa da matrícula do curso, dados de identificação da escola e nome e telefone do responsável da instituição de conferir os dados contidos na carta, etc.).
  5. Último histórico escolar (original e cópia simples).
  6. No caso de participantes do programa de intercâmbio do Rotary Club, deverão apresentar comprovantes de participação no mesmo.

Notas:

  • Deve levar em conta que, quanto mais e melhores documentos trouxer, maiores as probabilidades de o visto ser aprovado.
  • Estrangeiros residentes no Brasil deverão apresentar RNE (original e cópia simples).
  • Menores: os menores de dezoito anos de idade devem ser acompanhados por ambos os pais durante a entrevista e comprovar a filiação com original e cópias simples das identidades dos pais e das certidões de nascimento dos filhos. No caso de que um dos pais ou ambos não possam comparecer junto com o menor, então deverá(ão) outorgar uma autorização lavrada em cartório (escritura pública de declaração) na qual constará seu consentimento para que o menor possa ser acompanhado para tramitar o visto mexicano junto ao Consulado do México pelo outro pai ou por um terceiro maior de idade. A autorização original deverá ser apresentada na entrevista junto com cópia autenticada da identidade do pai que outorgue sua autorização em cartório.

Esta autorização lavrada em cartório será necessária para tramitar o visto mexicano unicamente quando um dos pais ou ambos não possam acompanhar ao menor ao Consulado, portanto, não deve ser confundida com a autorização de viagem, a qual é solicitada pelas autoridades da Polícia Federal ao sair do Brasil em viagem ao exterior.

  • Durante o processo de revisão poderá ser requerida outra documentação a critério do Cônsul.

Jornalistas

  1. Formulário de solicitação de visto L1 gerado través do sistema de agendamento eletrônico preenchido e assinado, com uma fotografia atual 3x4 colada no espaço correspondente.
  2. Passaporte com validade mínima de seis meses e cópias simples das páginas onde aparecem a firma e os dados pessoais, e (caso seja aplicável) dos vistos para outros países e dos vistos mexicanos prévios.
  3. Comprovantes de renda dos seis últimos meses (original e cópia simples) assim como da movimentação de conta bancária dos seis últimos meses (original e cópia simples) do solicitante.
  4. Carta (original) do meio de comunicação em papel timbrado e com firma reconhecida onde conste o motivo da viagem (o evento ou matéria que vai cobrir).
  5. Documentos que comprovem ser representante de um meio de informação (original e cópia simples do crachá do meio ou carteira de jornalista).
  6. Carta convite da instituição ou meio mexicano.
  7. Lista de equipamentos, com número de série.

Notas:

  • Deve levar em conta que, quanto mais e melhores documentos trouxer, maiores as probabilidades de o visto ser aprovado.
  • Estrangeiros residentes no Brasil deverão apresentar RNE (original e cópia simples).
  • Durante o processo de revisão, poderá ser requerida outra documentação, a critério do Cônsul.

 


 



Subir

Por favor, verifique a página de Internet antes de escrever um e-mail já que é possível que a resposta a sua dúvida se encontre dentro desta página. Verifique também a seção de dúvidas freqüentes .

Última actualización el Miércoles, 29 de Octubre de 2014 11:30
 


 

PROMÉXICO
Banner
Fondo de Cultura Económica
Banner
Convención Anticorrupción OCDE
Banner
Redes sociales

Riviera Maya
Banner
Busqueda
Clima no México
Banner
México, Algunos derechos reservados